quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Afro Góticos

Eu não entendo essa galera que pensa que existe um padrão para todas as coisas. Assim como não há uma religião para todos os membros da subcultura gótica, também não há etnia para fazer parte da mesma.

Acho muito bom existir góticos desta etnia para mostrar às pessoas como eles estão passando mais rápido pelo preconceito racial e mostrar que também podem ser bastante alternativos. Negros como Chuck Berry e Alan Freed, foram pioneiros do Rock n' Roll e mesmo que não fossem, pra que toda essa conversa?

Não é sua religião, cor, opção sexual ou musical que vai lhe fazer menos ou mais que os outros. Para ter momentos felizes é preciso fazer o que se gosta.
Eis aqui algumas fotos bem alternativas deste povo.








2 comentários:

  1. Adorei esse artigo!

    Sou proprietária de uma pagina no Facebook exatamente sobre o tema e te convido a nos visitar.

    https://m.facebook.com/GoticosAfrodescendentes?ref=bookmark

    Moon

    ResponderExcluir