segunda-feira, 7 de outubro de 2013

O que é um vampiro?


Vampiro: Do francês Vampire, do alemão Vampir, do eslavo Wampir, formado por Wam(Bebedor) e Pir(Demônio). 

Talvez a origem de suas lendas sejam baseadas no antigo mito de que através do beijo seria possível apoderar-se da alma de uma pessoa. Vampiro é um demônio que por algum motivo foram condenados a vivência eterna na terra e se alimentam do sangue de suas vítimas durante a noite.

A ideia de beber sangue surgiu quando o homem descobriu que o sangue era fonte de vitalidade. A crença em vampiros surgiu há muito tempo atrás e existem lugares que ela vive até hoje. O vampiro recebe vários nomes a depender da região que você esteja. 

Santo Agostinho escreveu que esses demônios tinham imortalidade corporal uma busca de paixões como seres humanos, mas não podiam produzir sêmen. Em vez disso, eles juntavam sêmens dos corpos de homens reais e os injetavam em mulheres adormecidas para engravidá-las. Assim eles se voltam para os humanos para usar seus órgãos e poder obter o que querem.

Na Grécia, Alguns dizem ser pessoas que houvessem cometido graves crimes ou alguém que houvesse morrido por suicídio, após serem enterradas, tinham seus corpos amaldiçoados por Deus e se transformavam em algo maligno para vagar na terra, o que chamavam de Vrykolakas. Em outros lugares, como a Bulgária, alguns dizem que são cadáveres cujo um gato pulou em cima em seu velório por falta de cuidados. 
Na Romênia, acreditava-se que a pessoa que nascia com a cabeça envolvida na membrana placentária ou que fosse o 12º filho cujo os mais velhos fossem todos homens podiam se transformar em uma criatura maligna.



Vamos tentar chegar a raízes mais antigas:

Em antigas civilizações haviam histórias sobre Lilith. De acordo com a lenda hebraica, Lilith teria sido formada  assim como o homem à partir do barro, logo após a formação deste. Por esse motivo ela não teria aceitado uma posição inferior em relação ao homem, pois sendo criada da mesma forma, exigia os mesmos direitos. 
No primeiro ato sexual Lilith não aceitou ficar por baixo, aguentando o peso do corpo do companheiro e exigiu ter  também o direito do prazer sexual. Como não foi atendida em seus anseios ela se revolta e pronuncia o nome "inefável" que lhe deu asas por meio das quais fugiu do Jardim do Éden. Assim Lilith abandonou Adão com quem não se entendia e foi para as margens do Mar Vermelho. Adão ficou só e reclamando, tendo medo da escuridão opressora. Daí haver uma relação entre Lilith e a Lua Negra.
Deus vendo o desespero de Adão enviou três anjos para trazer Lilith de volta ao Jardim, mas ela recusou tal proposta. Dessa forma, sua fuga transformou-se em expulsão, e após essa, Deus criou Eva para substituir a antiga mulher de Adão.

Lá às margens do Mar Vermelho habitavam os demônios e espíritos malignos, segundo a tradição hebraica, esse era um lugar maldito, o que prova que Lilith se afirmou como um demônio. (theworldanditslegends)

Lilith também foi castigada por ter enganado Eva, dando, em forma de serpente, o fruto proibido a mesma. Então deus também a condenou a vagar somente pela escuridão e a beber sangue de animais.
A partir daí, a humanidade que nasceria de Adão e Eva estavam condenados a também sofrer por e aos ataques de Lilith primeiro filho de Adão e Eva, Caim, foi por muito tempo amante de Lilith, mas a sua malignidade influenciou tanto o jovem  Caim que este foi induzido a matar seu próprio irmão Abel e de Caim e Lilith nasceram outros seres malignos que passaram  a se  alimentar de sangue humano e sair ao firmamento da Lua, por isso também, os vampiros não podem ser expostos a luz do Sol. Lilith permanece viva, levando homens ao pecado e oferecendo-lhes seu sangue venenoso da imortalidade. E é assim que descobrimos, segundo essa tradição bem antiga, como surgiram os demônios sugadores de sangue.
Infelizmente não consegui achar tradições mais antigas, se alguém souber, pode escrever nos comentários do blog.





Nenhum comentário:

Postar um comentário