quinta-feira, 17 de maio de 2012

Falsidade, sinceridade e palavras



Falsos sentimentos. Falsas alegrias. Falsos amigos
Palavras verdadeiras que permitem a sinceridade
Envolto em um véu de escuridão, produzindo pelo meu coração.
Posso manifestar sentimentos tão contraditórios
Porém, verdadeiros.
Como se portar ante um mundo tão ignorante?
As palavras, grandes amigas, permitem a sinceridade?
Permitem.
Manifestar essas sensações é o que de mais puro pode fazer
Uma alma atormentada por fantasmas reais e imaginários
O que fazem os poetas?
Escrevem. Amam. Morrem.
Mas enquanto vivem o fazem com amor
Entregando a sua alma à sinceridade expressa em palavras
Palavras magnificas de uma tristeza infinita que este mundo egoísta não pode compreender.
Aermo Wolf

Nenhum comentário:

Postar um comentário